DESTERRO. 9


(rumo a Louvain, Bélgica).
cheiro de gasolina queimada, envolto pelo som das turbinas, numa pista vivo de novo, pasmo e aceso, aventuras por espaços sem saber.
fui fazer a conta, por mais de quinze países morei, em trânsito foram bem mais de trinta, levado assim, me deixava cada vez mais não querer ser eu, mas fácil ser outro.
o outro tem por hábito a solidão e certo traquejo em disfarçar o tédio do dia a dia, até hoje.

Anúncios
Esta entrada foi publicada em 29 de setembro de 2012 às 10:16 e está arquivada sob Uncategorized. Guarde o link permanente. Seguir quaisquer comentários aqui com o feed RSS para este post.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: